Imposto de renda nas apostas esportivas: como declarar?

Os sites e aplicativos das casas de apostas chegaram com tudo no Brasil, mas você sabe como declarar o imposto de renda das apostas esportivas? Bem, essa pode ser uma preocupação realmente legítima para aqueles que precisam declarar seu imposto de renda e fazem muitas apostas. Afinal, há certos ganhos que realmente precisam ser explicados, não é mesmo? Mas como proceder?

A preocupação ainda tende a crescer uma vez que os aplicativos de apostas estão se tornando bastante populares, sendo muitas vezes patrocinadores de times grandes e tradicionais do Brasil, aumentando seu uso entre os torcedores brasileiros e a preocupação sobre como fica o imposto de renda de apostas esportivas.

Mas calma, porque nós, da Palpites, estamos aqui para ajudar, esclarecendo tudo sobre como fazer essa declaração! Confira!

Existe imposto de renda nas apostas esportivas?

O imposto de renda de apostas esportivas vem sendo realmente uma preocupação devido à popularização dos aplicativos e das opções de apostas que estão sendo amplamente fomentados ou, em alguns casos, até mesmo sendo criados, aqui no Brasil.

E bem sabemos que brasileiro e aposta são uma combinação antiga. Em solo pátrio, além dos palpites serem uma verdadeira cultura, o brasileiro é um torcedor nato, nasce já tendo seu time do coração e a vontade de se emocionar e empolgar por ele. E embora as próprias apostas sejam um jogo, um “esporte” por si só, elas se tornam muito mais emocionante quando são feitas com jogos e esportes.

Além disso, a tecnologia também é um componente de contribuição para esse fator, trazendo aplicativos, sites e plataformas de apostas realmente interessantes, não só com ganhos condizentes e satisfatórios, mas também com benefícios extras.

A maioria é focada em partidas de futebol, a maior paixão nacional, mas muitas têm opções variadíssimas que vão desde lutas de boxe, MMA, esportes como vôlei, futebol americano, eventos como Olimpíadas e até mesmo eleição!

Mas claro, tudo isso acaba trazendo uma preocupação extra:

E o imposto de renda de apostas esportivas, como fica? Afinal, você terá de declarar? Se sim, como fazê-lo?

Adiantando parte da conversa, podemos dizer que sim, todo ganho em apostas deve ser declarado no imposto de renda, porém nem todo mundo precisa o fazer. Vamos entender abaixo sobre o assunto em seguida!

É preciso declarar as apostas esportivas?

Sim, é necessário! Porém, será que você especificamente precisa declarar?

Quem é um apostador nato e costuma realizar apostas, sabe que já existe um imposto para apostas. No geral, o usuário nunca precisa pagá-lo de forma ativa, pois as plataformas e instituições onde as apostas são feitas, já recolhem esse dinheiro e “pagam pelo apostador”. Se você observar os termos que aceitou ao utilizar determinada plataforma verá que isso está especificado lá.

Já o imposto de renda para apostas esportivas deve ser feito pelo próprio apostador. Mas a diferença é que esse imposto não deve ser feito por qualquer apostador. Vamos explicar: o imposto de renda só é pago pelo cidadão que no ano anterior teve um rendimento superior a R$ 28.559,70.

Embora, no geral, o imposto de renda seja visto com receio por parte dos brasileiros, trata-se de um mecanismo do Estado para que as pessoas que têm mais dinheiro possam pagar mais imposto, isentando, ao menos em teoria, as classes mais baixas de taxas mais pesadas. Por isso que pessoas que tenham um ganho anual abaixo de R$28.559,70 não precisam declarar e nem pagar o imposto de renda.

Quando um indivíduo declara o imposto de renda ao Estado, ele está dando todas as suas fontes de renda para que o governo analise e crie uma taxação adequada para sua renda, sendo maior para aqueles que ganham mais. E há também as chances de você ser isento de pagar o imposto de renda, logo também ser isento do imposto de renda de apostas esportivas.

Essa isenção é exclusiva para pessoas com doenças graves e sérias ou de aposentados com mais de 65 anos. Seja qual for o caso, tente se informar com as autoridades públicas a respeito de sua isenção.

Como declarar imposto de renda de apostas esportivas?

A declaração de imposto de renda de apostas esportivas segue exatamente o mesmo método em que é feita a declaração de imposto de renda normalmente.

Ao acessar o site da Receita o cidadão alimenta os campos com seus dados de maneira correta. E aqui é necessário salientar a importância da atenção no processo, pois qualquer falta com o imposto de renda pode gerar o que chamamos de “malha fina”.

Ao cair na malha fina, o indivíduo não recebe a sua restituição do imposto e também fica com a atual declaração retida, podendo pagar multas ou, se comprovado a sua falta consciente e tentativa deliberada de fraudar a declaração de imposto de renda, pode chegar até ser processado criminalmente.

Aproveite e leia também: Como ganhar dinheiro apostando em jogos de futebol?

Principais cuidados ao fazer a declaração de lucros de apostas

Vimos acima como é grave declarar incorretamente o imposto e a contribuição de renda de apostas esportivas. Então, todo o cuidado ao realizar essa declaração é pouco.

Vamos conhecer algumas dicas de ouro sobre como proceder no momento de realizar a declaração para evitar qualquer tipo de problema com o Estado e sua receita. Confira!

1. Garanta que o cálculo esteja certo

Tudo em relação à declaração de imposto de renda deve estar exatamente calculado. Os dados devem ser fiéis, coesos e equivalentes e, como já mencionado, faltar com dados deliberadamente é crime. Se o seu cálculo estiver errado a respeito dos seus ganhos, mesmo que isso tenha ocorrido de forma não intencional, você pode, sim, cair na malha fina.

Convém, assim, fazer todo o processo e então corrigir o erro. Mas pense em todo esforço e tempo que você pode acabar gastando fazendo isso, difícil, não é mesmo?

Assim, garantir um cálculo correto e exato logo na primeira vez que realizar sua declaração é o melhor método de realizar o imposto de renda.

2. Respeite o prazo

Declarar o imposto de renda das apostas esportivas pode ser realmente complicado, e para isso temos um intervalo bem grande de tempo, considerando que declaramos sempre os valores do ano anterior.

No geral, esse prazo vai até o último dia do mês de abril, que é a data máxima para a entrega do imposto declarado. O grande problema é que são muitos aqueles que esperam até quase o fim do prazo para realizar essa declaração.

E se o imposto de renda é complicado por si só, imagine quando feito corridamente. Além de ser um processo minucioso e trabalhoso, é comum acabar faltando uma informação ou ser necessário confirmá-la. Então, tenha cuidado, faça tudo com calma e dentro do período determinado, sem deixar para última hora.

3. Tenha um bom contador

Ter um bom contador é simplesmente a melhor forma de fazer o imposto de renda e declarar seus ganhos com apostas. O contador é o profissional que se dedica, entre outras coisas, a realizar o trabalho de declarar o imposto de renda de Pessoas Jurídicas e Físicas. Contar com um profissional da área contábil é a garantia de que seu imposto de renda de apostas esportivas será declarado de maneira correta e sem erros.

Agora que foram respondidas as principais dúvidas a respeito do tema, é hora de colocar em prática as orientações dadas. E não se esqueça de continuar apostando e ganhando em seus jogos, mas não deixe de declarar corretamente seu imposto!

Aproveite e confira também: Como apostar no bet365? Como funciona passo a passo!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *